Posts

277077_4713

Inovação em TI além do conceito

Muito se fala em inovação dentro do setor corporativo, mas será que estas empresas realmente saem do patamar teórico e criam novidades que façam diferença na prática?

Segundo o diretor do ÁgoraLab, Eduardo Costa, a “inovação virou um assunto desgastado. Todo mundo agora é inovador. A boa notícia é que não precisa convencer ninguém mais que inovação é importante. Agora é partir para a prática”.

O setor de TI pode ser uma boa ponte para criar soluções inovadoras para diversos campos como a saúde, educação, sustentabilidade, economia entre outros.

Confira aqui uma lista de cases de inovação em TI que servem para estimular sua criatividade e avançar em seus planos.

rankingsc_site (1)

SC está entre os cinco Estados do Brasil que mais cresce em TI

Estudo aponta que Santa Catarina, Pernambuco, Ceará, Bahia e Rio de Janeiro foram os Estados que mais aumentaram em investimentos em TI em 2012, comparados com o ano anterior.

Santa Catarina ganha destaque também em iniciativas regionais como o Distrito de Inovação de Jaraguá do Sul, que foi anunciado em janeiro deste ano e se insere no Plano SC@2022, a cargo do Inova@SC.

Com a expansão do setor de tecnologia e inovação, Santa Catarina também prevê o aumento da demanda por profissionais para trabalhar na área. Por essa razão, lançaremos o Geração TEC 2013 para dar continuidade a capacitação de jovens na área de TIC no Estado. Fique atento, em breve serão abertas novas seleções.

Leia a matéria completa no site Baguete.

 

 

 

 

 

 

Geração TEC: formatura em Rio do Sul

Programa estadual forma programadores em Rio do Sul

O programa Geração TEC, de capacitação para tecnologia, formou 22 novos programadores em linguagem PHP, nesta quarta-feira (31), em Rio do Sul. “O Geração TEC ajudará Santa Catarina a atingir o estado máximo da inovação com uma geração capacitada para atuar com a tecnologia”, avaliou o secretário do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Paulo Bornhausen.

Os alunos formados nesta etapa receberam a capacitação entre os meses de junho e agosto. “Esse programa é importante porque investe no desenvolvimento de uma área que vai trazer retorno também para a área social do estado. Com o conhecimento que recebemos aqui daremos nossa contribuição para a sociedade”, avalia o formando Thomas Vieira.

O programa Geração TEC é uma ação da SDS, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação (FAPESC), em parceria com a Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (ACATE) e o Instituto i3. A capacitação em Rio do Sul foi realizada em parceria com a Fundação Universidade para Desenvolvimento do Alto Vale do Itajaí (Unidavi).

1149727_99746086

Salários dos profissionais de TI no Brasil estão acima da média mundial

Profissionais de tecnologia da informação estão supervalorizados no Brasil. A razão? A falta de talentos qualificados inflacionou salários com taxas de aumento de até 20%.

“Estamos pagando mais para os profissionais porque o Brasil ficou muito tempo sem investir em TI. Hoje, nossos investimentos são duas vezes e meia maiores que a média mundial”, analisa Lucas de Toledo, gerente-executivo da divisão de Tecnologia da consultoria Michael Page, especializada na contratação de executivos.

O cenário otimista aumentou o interesse de profissionais de outros países principalmente de regiões onde a crise econômica reduziu as ofertas de emprego.

O Geração TEC é uma boa oportunidade para quem sonha em entrar para este mercado de trabalho, visando formar novos profissionais para o setor de tecnologia. Desta forma  caminhamos rumo a inovação ao valorizar o profissional local e reduzir a demanda em todo o Estado de SC.

Continue sua leitura no CIO.

 

 

 

Novas Profissões

Ciclo de conversas discutirá novas profissões em Florianópolis

Com o Geração TEC, crescerão em Santa Catarina as oportunidades de emprego na área de tecnologia. As constantes mudanças pelas quais passa esse setor favorecem o surgimento de novas profissionais.

É exatamente sobre as oportunidades do futuro e a integração das pessoas por meios inovadores que tratará o Ciclo de Novas Profissões, nesta terça-feira, 11, em Florianópolis. O evento ocorrerá no Sapiens Parque-Sede Inovalab, das 14h às 18h, com entrada gratuita e as vagas limitadas.

Os jovens terá um papel fundamental nessas conversas. Se você ficou interessado, leia mais a seguir.

Fundação Telefônica e Vivo abrem inscrições para encontro sobre novas profissões

São Paulo, 03 de outubro de 2011 – Chega a Florianópolis, no dia 11 de outubro, o “Ciclo de Novas Profissões”, evento promovido pela Fundação Telefônica e Vivo, com o objetivo de identificar profissões do futuro, especialmente ligadas às TIC (Tecnologias da Informação e Comunicação), e discutir tendências na área. O encontro acontecerá no Sapiens Parque-Sede Inovalab, entre 14h e 18h.

A ideia é promover uma conversa com líderes digitais e pessoas interessadas na criação de iniciativas inovadoras e estimular o trabalho colaborativo entre o grupo participante. O encontro também pretende identificar os desejos dos jovens, visando a formulação de investimentos sociais para este público, como capacitação para o mercado de trabalho e empreendedorismo.

Para a inscrição, é solicitado ao interessado que produza um vídeo, uma imagem, um texto ou um áudio contando um pouco sobre suas ideias a respeito das profissões surgidas com as tecnologias, e publique na rede do encontro (http://novasprofissoesft.ning.com). A participação é gratuita e as vagas são limitadas.

“Pretendemos ter pessoas dos mais diversos perfis profissionais nestes encontros, de empreendedores a ativistas sociais, de pesquisadores a hackers do bem, contemplando assim todo o espectro da sociedade brasileira que busca nestas novas profissões grandes oportunidades de inovação e sucesso”, diz Françoise Trapenard, presidente da Fundação Telefônica.

O “Ciclo de Novas Profissões” começou em São Paulo, passou por Belém e, se estenderá por mais cinco encontros. Florianópolis será a terceira cidade a receber o evento. As próximas serão: Recife, Belo Horizonte, Goiânia e Rio de Janeiro. O último encontro acontecerá em janeiro, próximo à realização da Campus Party 2012, em São Paulo.

Aula Magna

Programa Geração TEC capacitará jovens para tecnologia

Com o objetivo de formar mais profissionais na área de tecnologia, impulsionando o desenvolvimento econômico, nesta quarta-feira (10), no Senac, foi lançado o programa Geração TEC. A iniciativa é do Governo do Estado, através da Secretaria do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS) e Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc). “Santa Catarina já desponta no cenário nacional como uma referência em tecnologia. Esse programa é uma importante iniciativa da nossa administração para desenvolver ainda mais nosso Estado”, afirma o governador Raimundo Colombo.

Para o secretário da SDS, Paulo Bornhausen, o Geração TEC abre um novo paradigma para o desenvolvimento de Santa Catarina. “Estamos  plantando bases para o Estado chegar ao patamar de inovação máxima”, relata. Bornhausen diz que esta conquista será feita através da qualificação, e para isso, educação é o marco fundamental. Os cursos são gratuitos, para jovens acima de 17 anos, com ensino médio completo (ou cursando o último ano) e que não trabalhem com programação.

O programa tem apoio, em Florianópolis, da Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (Acate), além de instituições privadas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC). “Todos que conseguirem um bom índice de aproveitamento terão espaço no mercado”, avaliza o presidente da Acate, Rui Luiz Gonçalves. Segundo ele, o setor está em expansão constante e necessita de profissionais qualificados.

A primeira etapa acontece em Florianópolis, onde estão sendo selecionados 140 alunos. As turmas serão dividas pelas linguagens de programação oferecidas (Java, C++, Delphi, PHP e .Net). Ao final do curso, haverá acompanhamento da dinâmica do mercado de trabalho em tecnologia por meio do monitoramento profissional dos participantes do programa. As inscrições para a primeira fase podem ser feitas pelo site do Geração TEC até 20 de agosto.

“Santa Catarina precisa focar nas oportunidades internas e todas as ações de hoje são enquadradas pela tecnologia”, esclarece o governador. Um mapeamento está sendo realizado para que o Geração TEC atinja todas as regiões do Estado. “Temos um potencial extraordinário e este trabalho, feito de maneira ágil e eficaz, irá repercutir não apenas em nossa economia, como para a vida das pessoas”, finaliza Colombo.

Aula será no auditório do Senac, na Prainha, em Florianópolis

Governo lança projeto de capacitação em tecnologia

Nesta quarta-feira (10), às 14h30, o governador Raimundo Colombo ministrará a aula magna de lançamento do Geração TEC, programa de formação de profissionais qualificados para área de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC), desenvolvido pela Secretaria do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS). “A tecnologia da informação é a ferramenta com a qual o Governo do Estado pretende colocar a economia catarinense em um novo patamar”, explica o secretário da SDS, Paulo Bornhausen.

O evento acontecerá no auditório do Senac, no bairro Prainha em Florianópolis. Programa da SDS, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc), o Geração TEC tem apoio da Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (Acate) e de instituições privadas de TIC. “Capacitar os jovens para este setor é gerar oportunidades de ocupação e renda, dotando o mercado de profissionais preparados para esse desafio”, diz Bornhausen. Para a formação das primeiras turmas, o programa terá a parceria do Senac.

Capacitação para tecnologia

Os cursos serão gratuitos e de curta duração, sendo necessário que os candidatos tenham a partir de 17 anos, ensino médio completo (ou esteja cursando o último ano) e não trabalhem com programação. “Critérios como raciocínio lógico desenvolvido, conhecimentos em matemática e inglês são levados em conta para o ingresso no programa”, diz o presidente da Acate, Rui Luiz Gonçalves.

O Geração TEC tem como base o mapeamento do setor realizado pelo Governo em várias regiões de Santa Catarina. Seu principal diferencial é o currículo desenhado para atender as demandas locais e a orientação profissional dos alunos ao longo dos cursos. A meta é formar cinco mil pessoas na capacitação até 2014 em todo Estado.

A primeira etapa acontece em Florianópolis. Inicialmente estão sendo selecionados 140 alunos. As turmas serão dividas pelas linguagens de programação oferecidas (Java, C++, Delphi, PHP e .Net). Ao final do curso, haverá acompanhamento da dinâmica do mercado de trabalho em tecnologia por meio do monitoramento profissional dos participantes do programa. As inscrições para a primeira fase podem ser feitas pelo site do Geração TEC até 20 de agosto.