Posts

ultimos_dias

Inscrições para o Geração TEC encerram na próxima semana

O Geração TEC, programa gratuito do Governo do Estado para a formação de profissionais na área de tecnologia, abrirá novas turmas em Chapecó, Lages, Joinville, Florianópolis e São José, totalizando 230 vagas. “Esta é uma oportunidade para aqueles que desejam trabalhar com tecnologia e inovação, áreas que têm papel de destaque na nova economia catarinense”, afirma a secretária do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS), Lucia Dellagnelo. As inscrições podem ser feitas pelo site: www.geracaotec.sc.gov.br até dia 8 de maio.

O curso de Suporte/HelpDesk será realizado em Chapecó, Lages, Joinville e São José. Para Joinville há, ainda, a opção de programação Delphi e para São José, programação Java. As aulas em Florianópolis serão de programação .Net e Java. É necessário que os candidatos tenham no mínimo 17 anos, não trabalhem com programação e tenham completado o ensino médio (ou que estejam cursando o último ano).

O Geração TEC é um programa da SDS, realizado por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc), em parceria com o Instituto Internacional de Inovação (i3) e com a Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (Acate) e instituições do setor de tecnologia das cidades atendidas.

timthumb

Inscrições abertas para 230 vagas do Geração TEC em 4 cidades

A partir desta quarta-feira, 9, estão abertas as inscrições para oito novas turmas do Geração TEC, programa do Governo do Estado para a formação de profissionais na área de tecnologia. “Queremos dar oportunidade para que os jovens possam entrar neste segmento que é o motor da nova economia catarinense”, afirma a secretária do Desenvolvimento Econômico e Sustentável (SDS), Lucia Dellagnelo. O curso é gratuito e os interessados podem se inscrever no site: www.geracaotec.sc.gov.br até dia 8 de maio.

A idade mínima exigida para os cursos é de 17 anos, sendo necessário ensino médio completo ou que os estudantes estejam cursando o último ano. Além disso, é importante ter conhecimento básico em informática e em raciocínio lógico e não estar empregado em atividades relacionadas à Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC). As vagas serão destinadas, preferencialmente, àqueles que não participaram de nenhuma capacitação do Geração TEC.

As cargas horárias variam entre 100 e 280 horas de aula. No total, são 230 vagas, divididas entre as cidades de Chapecó, Florianópolis, Lages e Joinville. A previsão é que as aulas iniciem dia 19 de maio.

O programa é realizado pela SDS, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc), em parceria com o Instituto Internacional de Inovação (i3), com a Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (Acate) e com instituições de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) das cidades que sediam os cursos.

Capacitações – Em Chapecó, são destinadas 30 vagas para o curso de Suporte/Help Desk. As aulas serão no período vespertino, na Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc).

As capacitações que serão realizadas na Grande Florianópolis são de Java e .Net, no laboratório do InovaSC, no bairro João Paulo, em Florianópolis. Estão previstas, ainda, duas turmas no campus da Universidade do Vale do Itajaí (Univali) no bairro Kobrasol, em São José, para os cursos de Suporte/HelpDesk e Java. São 30 vagas para cada turma.

Já em Joinville, há 20 vagas para Suporte/Help Desk no Centro Universitário Católica de Santa Catarina. Outra opção é o curso de Delphi, com 30 vagas na Fundação Softville.

Por fim, em Lages, as aulas de Suporte/Help Desk serão na Fundação Carlos Joffre do Amaral. São 30 vagas no período noturno.

pie grid double

Geração TEC amplia o número de cidades mapeadas

Para identificar o número de profissionais necessários no setor de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC), bem como as qualificações para cada região do Estado, o Geração TEC inicia nesta segunda-feira, 20, o mapeamento para 2014. “Temos a preocupação em fornecer cursos que atendam as necessidades das empresas”, diz o secretário do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS), Paulo Bornhausen. Este ano, 20 cidades serão mapeadas inicialmente, número que poderá ser expandido ao longo do ano.

Empresas de Balneário Camboriú, Brusque, Blumenau, Caçador, Chapecó, Concórdia, Criciúma, Florianópolis, Itajaí, Jaraguá do Sul, Joaçaba, Joinville, Lages, Mafra, Palhoça, Rio do Sul, São Bento do Sul, São José, Tubarão e Videira responderão ao questionário, que inclui dados de empregabilidade e demandas necessárias. Este mapeamento ajudará na formatação dos cursos, número de turmas, horário das aulas, carga horária e ementa das próximas turmas do Geração TEC.

Foram 3.632 certificações entregues desde o lançamento do programa, em 2011. São oferecidas capacitações gratuitas para jovens acima de 17 anos,com ensino médio completo, ou que estejam cursando o último ano.

Criado pela SDS e realizado por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc) e do Instituto Internacional de Inovação (i3), o Geração TEC conta com a parceria da Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (Acate) e instituições de TIC das cidades onde as capacitações foram realizadas.

966932_32706958 (1)

Geração TEC forma 67 novos programadores em Itajaí e Lages

O Geração TEC, programa do Governo do Estado que oferece cursos gratuitos na área da Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC), certificará 67 formandos na próxima semana. O primeiro evento será na segunda-feira, 18, no campus da Universidade do Vale do Itajaí (Univali), em Itajaí, às 18h30. Na quinta-feira, 21, a formatura será no auditório da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), em Lages, às 19h. “Investimentos em capacitação técnica de jovens e adultos é um ponto importante para o desenvolvimento do nosso Estado”, avalia a secretária em exercício do Desenvolvimento Econômico e Sustentável (SDS), Lucia Dellagnelo.

Em Itajaí, 21 alunos completaram o curso Suporte/Help Desk, com carga horária de 150 horas. Já em Lages, 19 formandos concluíram a capacitação em Teste de Software e 27 em Programação Java, totalizando 100 horas e 360 horas, respectivamente.

Até outubro de 2013, o programa habilitou 2.303 programadores em três categorias: Microempreendedor Individual, Formação Profissional e Gestão Empresarial no setor de TIC. O Geração TEC é realizado pela SDS, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc), em parceria com o Instituto Internacional de Inovação (i3), com a Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (Acate) e com instituições de TIC das cidades que sediam os cursos.

Processo seletivo 2013

Geração TEC abre 670 vagas em SC

Com o intuito de capacitar jovens e adultos para o setor de tecnologia da informação e comunicação (TIC), o Geração TEC, programa do Governo do Estado, abre processo seletivo para 23 turmas em seis cidades do Estado: Itajaí; Joinville; Chapecó; Tubarão; Criciúma e Florianópolis. Os interessados em participar podem se inscrever a partir de quarta-feira (15), às 14h, pelo site www.geracaotec.sc.gov.br, até 11 de junho, às 16h.

Os cursos do Geração TEC são gratuitos e duram cerca de quatro meses. Podem participar jovens e adultos a partir de 17 anos, que estejam cursando o último ano do ensino médio ou ter concluído, ter conhecimento básico em informática e em raciocínio lógico e não estar empregado em atividades relacionadas à TIC.

Para o secretário do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Paulo Bornhausen, o Geração TEC forma profissionais para a nova economia catarinense. “Este programa acende em Santa Catarina o farol da inovação ao oferecer oportunidades aos jovens catarinenses e atender a necessidade de profissionais capacitados para atuarem no setor de tecnologia, que será a base da nova economia catarinense”, avalia Bornhausen.

Java, Power Builder, Delphi, Help Desk/Suporte, C++, .NET, PHP, Teste de Software, Montagem Eletrônica/Elétrica, Arte e Design Games e Programação Games são os cursos que serão ofertados, conforme a demanda por profissionais, de cada município. O levantamento inicial do mapeamento apontou para uma necessidade de mais de 2.4 mil profissionais neste ano. Para conhecer essa demanda, o Geração TEC mapeou 12 cidades do Estado, durante dois meses.

Os cursos têm previsão de início em junho, com turmas nos períodos matutino, vespertino, noturno e integral. No segundo semestre de 2013 serão abertos novos processos seletivos para as cidades de Florianópolis, Lages, Joinville, Blumenau e São Bento do Sul.

Para o presidente da Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (ACATE), Guilherme Bernard, trata-se de uma das iniciativas mais importantes para a formação de recursos humanos no Brasil.

O Geração TEC é um programa da Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS), realizado por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc) e do Instituto Internacional de Inovação (i3), em parceria com a Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (Acate) e instituições do setor de tecnologia das cidades atendidas.

Lançado em 2011, já capacitou e formou 2.092 pessoas em 12 cidades de Santa Catarina. Para 2013, o Governo do Estado garantiu R$ 3,5 milhões em recursos para a execução do programa, que pretende formar 5 mil pessoas até 2014.

CHAPECÓ
Suporte/Help Desk e Delphi – 50 vagas – Vespertino
Suporte/Help Desk – 25 vagas – Vespertino

CRICIÚMA
Java – 30 vagas – Matutino
Power Builder – 30 vagas – Matutino

GRANDE FLORIANÓPOLIS
Java – 60 vagas – Vespertino e noturno
Delphi – 30 vagas – Matutino
Teste de Software – 60 vagas – Integral e noturno
C++ – 30 vagas – Matutino
Montagem Eletrônica/Elétrica – 60 vagas – Matutino e Vespertino
Arte e Design Games – 40 vagas – Matutino e Vespertino
Programação Games – 40 vagas – Matutino e Vespertino

ITAJAÍ
.NET – 30 vagas – Vespertino
Suporte/Help Desk – 30 vagas – Noturno
Java – 30 vagas – Vespertino

JOINVILLE
C++ – 30 vagas – Noturno
PHP – 30 vagas – Noturno
Delphi – 30 vagas – Noturno

TUBARÃO
Suporte/Help Desk – 35 vagas – Matutino

467

Curso do Geração TEC começa nesta segunda-feira em Lages

O Geração TEC, programa do Governo do Estado para capacitação de jovens e adultos no setor de tecnologia da informação e comunicação (TIC), selecionou 58 pessoas para participar da turma de Java, que inicia nesta segunda-feira (6), em Lages.

O processo seletivo foi realizado entre 04 de abril e 02 de maio, dos 161 inscritos, 101 fizeram o teste e 58 foram selecionados.

As aulas serão ministradas no Laboratório da Fundação Carlos Joffre, de segunda a sexta-feira, no período vespertino – das 13h às 17h , e noturno – das 18h às 22h. O curso terá 360 horas-aula e a previsão de término é em setembro deste ano.

“Com mais uma etapa do Geração TEC em Lages, o Governo do Estado espera formar novos profissionais na região serrana para o setor de tecnologia que será o motor da nova economia catarinense nos próximos anos”, avalia o secretário do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Paulo Bornhausen.

O Geração TEC já formou 2092 pessoas em 12 cidades do Estado desde 2011. Em Lages, 99 pessoas foram capacitadas no último ano, com o apoio da Fundação Carlos Joffre.

O Geração TEC é um programa da Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS), realizado por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc) e do Instituto Internacional de Inovação (i3), em parceria com a Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (Acate).

 

 

foto

Encontro sobre tecnologia apresenta Geração TEC na Serra Catarinense


A região serrana de Santa Catarina tem mais de 200 vagas de emprego no setor que mais cresce no mundo: tecnologia. Este foi um dos assuntos abordados no workshop, que aconteceu na última quinta-feira (11), em Lages. “O setor de tecnologia representará um dos principais alicerces da nova economia que estamos introduzindo no Estado”, avaliou o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Paulo Bornhausen.

O workshop cedeu um espaço ao Geração TEC, programa do Governo do Estado para capacitação de jovens e adultos no setor de tecnologia da informação e comunicação (TIC), para divulgar os resultados do mapeamento de vagas 2013 e definir a formatação dos cursos, número de turmas, horário das aulas, carga horária, ementa e instituição executora. “O Governo do Estado e as instituições parceiras levarão o programa Geração TEC há mais de dez cidades neste ano, gerando oportunidades e promovendo o setor de tecnologia em todas as regiões catarinenses”, explica o secretário Bornhausen.

Dados do mapeamento indicam que, em Santa Catarina, há um número significativo de vagas abertas no setor de TIC, porém, há uma grande demanda por profissionais capacitados para ocupá-las. O levantamento inicial apontou para uma necessidade de mais de 2.400 profissionais neste ano. Para conhecer essa demanda, o Geração TEC mapeou 12 cidades do Estado, durante dois meses.

Lançado em 2011, o programa já formou sete turmas em Lages e certificou 99 pessoas em linguagem de programação (JAVA, PHP e .NET), Web Design e Teste software. 50 estão empregadas e 21 atuam no setor de TIC. Hoje, 22 alunos estão em sala de aula, cursando teste de software. E as inscrições para a turma de JAVA estão abertas e podem ser feitas pelo site www.geracaotec.sc.gov.br até 2 de maio.

O workshop, que contou com a presença de aproximadamente 600 pessoas, foi realizado pelo Núcleo de TI da ACIL e pelo Orion Parque, com o apoio da Prefeitura de Lages, do Governo do Estado e de empresas da região.

Programa

O Geração TEC é um programa da Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS), realizado por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc) e do Instituto Internacional de Inovação (i3), em parceria com a Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (Acate).

Desde 2011, já capacitou e formou 2.092 pessoas em 12 cidades de Santa Catarina. Para 2013, o Governo do Estado garantiu R$ 3,5 milhões em recursos para a execução do programa, que pretende formar 5 mil pessoas até 2014

Jovens e adultos a partir de 17 anos, que estejam cursando o último ano do ensino médio ou ter concluído, ter conhecimento básico em informática e em raciocínio lógico e não estar empregado em atividades relacionadas à TIC.

 

banner

Programa Geração TEC lança turma de Java em Lages

Jovens e adultos que queiram atuar no setor de tecnologia da informação e comunicação (TIC) podem se inscrever no Geração TEC, programa desenvolvido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS) e da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (FAPESC). As inscrições podem ser feitas pelo site www.geracaotec.sc.gov.br a partir desta quinta-feira (4). O curso é gratuito e os interessados têm até 2 de maio para se inscrever.

Para o secretário da SDS, Paulo Bornhausen, o Geração TEC forma profissionais para a nova economia catarinense. “Este programa acende em Santa Catarina o farol da inovação: oferece oportunidades aos jovens catarinenses e atende a demanda do setor de tecnologia com profissionais capacitados para atuarem na nova economia catarinense”, avalia Bornhausen.

Nesta etapa em Lages, serão oferecidas 50 vagas para o curso de linguagem de programação Java. A duração prevista é de 360 horas-aula.

As aulas ocorrerão no Laboratório da Fundação Carlos Joffre, de segunda a sexta-feira. Serão 25 vagas para o período vespertino – das 13h às 17h , e 25 vagas para o noturno – das 18h às 22h.

Para participar é necessário ter 17 anos ou mais, estar cursando o último ano do ensino médio ou ter concluído, ter conhecimento básico em informática e em lógica de programação e não estar empregado em atividades relacionadas à TIC.

O Geração TEC já formou 2092 jovens e adultos em 12 cidades do Estado desde 2011. Em Lages, 99 pessoas foram capacitadas no último ano.

O programa tem a parceria do i3 (Instituto Internacional de Inovação), da ACATE (Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia) e, em Lages, da Fundação Carlos Joffre.

Inscreva-se!

1035516_88170873 (1)

Geração TEC oferece mais dois cursos em Lages

Estão abertas inscrições para os cursos de Web Design e Teste de Software, em Lages. As capacitações fazem parte do Geração TEC, programa da Secretaria do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS) e Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc) que visa formar profissionais na área de Tecnologia, impulsionando o desenvolvimento econômico da região.

As aulas de Web Design serão no período matutino, no laboratório do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), de segunda a sexta-feira, com uma carga de 116 horas/aula. Já no curso de Teste de Software as aulas serão no laboratório da Fundação Carlos Joffre à noite, também de segunda a sexta-feira, totalizando 100 horas/aula. “O diferencial do programa são os currículos, montados em parceria com as empresas do setor”, avalia o secretário da SDS, Paulo Bornhausen.

INSCREVA-SE AQUI

Serão disponibilizadas 25 vagas em cada linguagem. Os cursos são gratuitos, para jovens acima de 17 anos, com ensino médio completo ou cursando o último ano e que não trabalhem com programação. As inscrições são até dia 4 de outubro no site http://www.geracaotec.sc.gov.br/ .

 

gtec_stgtec

Governador entrega certificados a alunos do Geração TEC em Lages

O governador Raimundo Colombo entregou na sexta-feira, dia 1º, o certificados de conclusão de curso aos primeiros 37 formandos do programa Geração TEC da região serrana. A cerimônia foi na Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL), em Lages. O programa foi criado pelo Governo do Estado, por meio da secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável, para capacitar pessoas que desejam trabalhar no setor de Tecnologia da Informação (TI). “O Geração TEC é uma grande oportunidade que as pessoas têm de se qualificar para atuar em uma das áreas que mais gera postos de trabalho no Brasil”, afirmou Colombo.

O governador, ao parabenizar os formandos, disse que sem eles “não haveria o Geração TEC”. “O Governo faz programas, projetos, mas, se não houver interesse de quem será beneficiado por essas ações, elas de nada adiantam. Por isso, o mérito desta noite é todo de vocês”, destacou.

As aulas aconteceram na Uniplac e no Senac, durante três meses. A Fundação Catarinense de Amparo a Pesquisa (Fapesc) subsidiou os custos. Para o secretário de Desenvolvimento Econômico Sustentável, Paulo Bornhausen, a qualificação profissional representa um grande investimento. “O Governo vem tratando a geração de emprego como prioridade, e o programa qualifica pessoas para atuarem em uma área cuja demanda só aumenta.”

Antes do início do curso, a Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (Acate) mapeou as principais necessidades de mão de obra das companhias especializadas em TI que atuam no Estado. O objetivo foi direcionar os cursos de acordo com as especificidades de cada região.

Na Serra, a operacionalização dos sistemas JAVA, PHP e .Net foi descrita pelos empresários como a maior carência, de modo que o programa Geração TEC foi direcionado para tal. Durante três meses, os 37 alunos aprenderam os fundamentos dos três sistemas vislumbrando uma vaga no mercado da região, que agrega mais de 60 empresas.

O orador da turma, Luis Fernando Zanguellini, 30 anos, já trabalha com Tecnologia da Informação há algum tempo, e fez o curso buscando aperfeiçoar-se. Ele diz que os novos profissionais irão impulsionar o setor na região. “As empresas estão sempre procurando profissionais qualificados, pois as funções exigem conhecimento técnico. O pessoal está bastante motivado, e as oportunidades irão aparecer. “

De acordo com secretário Bornhausen, o Geração TEC, que faz parte do Plano SC@2022, é mais instrumento do trabalho de fazer de Santa Catarina um estado líder em produtividade. “Estamos criando referências que identificarão o nosso estado no cenário nacional e internacional. Quando perguntarem o que é Santa Catarina, nós vamos dizer: ‘é onde a inovação permeia a atividade econômica’, afirmou. Bornhausen lembrou também os alunos do Geração TEC que eles, a partir de agora, eles “têm a responsabilidade de tornar essas referências concretas”.

Com informação da Secretária de Comunicação